Outubro 31, 2014, 11:23:48 am

Autor Tópico: Tutorial - Troca da corrente de comando  (Lida 31786 vezes)

0 Membros e 2 Visitantes estão vendo este tópico.

Offline Magnun

  • Ironbutt do FOL
  • ******
  • Mensagens: 1.208
  • Sexo: Masculino
  • Campo Grande - MS
Tutorial - Troca da corrente de comando
« Online: Agosto 02, 2010, 06:18:49 am »
Esse tutorial é referente à troca da corrente de comando e seus pares.

O serviço não é complexo, mas deve ser realizado por uma pessoa que tenha algum conhecimento em mecânica (funcionamento do motor). Pois será necessário colocar posteriormente o motor no ponto, tanto para regulagem das válvulas como seu funcionamento.

O serviço deve ser realizado com o motor totalmente “gelado” e não frio, explico: Deixe a moto pousar de um dia para outro e não funcione mais até estar pronto o serviço.

Será de suma importância possuir o fixador de embreagem e o torquímetro no caso de retirar o cabeçote.  Posteriormente ensinarei como fazer o fixador de embreagem e um calço para travar as engrenagens do virabrequim.

Ferramentas não convencionais utilizadas: Fixador de embreagem universal, torquímetro, soquete nº 24.

De resto as ferramentas são as normais tipo, fenda, Philips, combinadas 8mm, 12mm, 14mm, alicate universal e de bico meia cana, biela tipo “L” 8mm, 12mm, 14mm e 17mm, martelo de bordas de borracha, martelo bola e um jogo de chave allem.

Tenha sempre em mãos o manual de serviço, pois o mesmo e auto-explicativo. Você poderá baixar em http://www.falcononline.com.br/forum/index.php?topic=7160.0 . Dê uma  boa lida no capitulo sobre cabeçote, leia também os tópicos sobre: Tutorial Acionador do Tensor de Corrente de Comando do Konishi em  http://www.falcononline.com.br/forum/index.php?topic=5233.0  e Tutorial – troca dos discos de embreagem do Flavildo em  http://www.falcononline.com.br/forum/index.php?topic=9310.0 que irão ajudar na visualização de imagens e explicações que por ventura não estiver aqui.

Vamos ao serviço.

1º Passo.

Drene o óleo, já poderá retirar os tubos de óleo da tampa lateral. Retire as carenagens laterais e o tanque (solte apenas a grande frontal não sendo necessária a retirada das abas laterais), pedal do freio traseiro, cabo da embreagem, reservatório de óleo, ponteira do escape e coletor de escape (curva), carburador e a válvula de sucção de ar e seus tubos para ficar mais fácil e não correr o risco de algo acontecer. Retire o filtro de óleo, a tampa lateral do motor lado direito, fixação superior do motor, tampa de regulagem das válvulas e tampa do cabeçote. Aproveite e limpe a tela de óleo.


2ª Passo.

Retire os discos de embreagem e afrouxe o cubo de embreagem usando o fixador de embreagem (chave especial) e a porca do virabrequim (calçada com chave de fenda ou ferramenta especial), retire o acionador da correte de comando e retire o comando de válvulas. Aqui você pode retirar a engrenagem do comando ou não, fica ao seu critério.








Solte a corrente para baixo, retire o cubo da embreagem e as engrenagens do virabrequim, retire à corrente.

Se for trocar o tensor aqui é a hora. Solte o parafuso e o retire por baixo colocando o novo



Coloque a corrente nova por cima e amarre com um arame para não cair. Monte na seqüência inversa da desmontagem das engrenagens do virabrequim. Obs. A corrente de comando tem uma marca a qual deverá ser montada para fora, para que numa futura desmontagem não seja colocada invertida.

No caso de trocar a “guia” retire o cabeçote soltando as quatro porcas correspondentes. Retire a guia velha e coloque a nova certificando de que a mesma fique bem encaixada. Aqui é recomendável trocar a junta do cabeçote, mas não se preocupe também é possível reutilizá-la. Para tanto aplique uma camada de tinta spray nos dois lados da mesma. Essa camada de tinta funcionara como vedante, já que a nova vem pintada.



3ª Passo.

Aqui começa a remontagem com duas hipóteses possíveis. Com ou sem retirada do cabeçote.

1ª. Se você retirou o cabeçote, coloque os pinos guias e a junta conforme o caso posicionando corretamente. Coloque o cabeçote, as arruelas e porcas. Aperte de forma cruzada por igual até encostar (pequena resistência e força). Agora é a hora de usar o toquímetro, aplique 4.4Kg.m em todas as porcas de forma cruzada. Obs. Cuidado com o torquimetro, pois a força aplicada será diferente para cada tipo de ferramenta, pois existem vários tipos.

Dica: Aproveite para limpar a carbonização do pistão.  Sem o cabeçote coloque o pistão no ponto morto superior (PMS), bastando girar o motor e colocando no ponto mais alto e conferindo a marca de referência.

2ª Se você não retirou o cabeçote comece por aqui.  Retire as tampas do orifício do virabrequim e do ponto de ignição. De umas três voltas e alinhe a marca “T” com a marca de referência.



Agora recoloque o comando de válvulas e encaixe a corrente de comando na engrenagem tomando cuidado para colocar no lugar as marcas de referência.  Verifique se todos os pinos guias estão no local, tanto da tampa quanto os dos rolamentos do comando. Coloque o acionador no local colocando uma junta nova.



Obs. 1. As marcas de referência devem estar alinhadas com o cabeçote e a inscrição “OUT”, virada para o lado do escape;
Obs. 2.  A junta do acionador é vendida na forma de papel ou metal. Aqui pode ser usada também a junta líquida sem nenhum problema.

Coloque a junta e a tampa do cabeçote tomando cuidado com as posições dos balacins. Coloque os parafusos e encoste a tampa. Aperte de forma cruzada. Obs. Aqui não tem torque especifico, tenha bom senso e não use força em excesso. Uma boa dica é usar uma chave tipo “biela” conhecida também como “L”. Utilizando como cabo de força seu lado menor. Agora se quiser já dá para regular as válvulas. Se não tiver os calibres especificados de 0,10mm para admissão e 0,12mm para escape, não se preocupe. Poderá usar somente o de 0,10mm já respeitada as variações de 0,02mm.



Coloque o motor em PMS alinhando a marca de referência com a marca “T” e verifique se há alguma folga nas válvulas.  Se não tiver folga o motor não está em PMS.  Depois de reguladas gire o motor e confira novamente. Monte as tampas dos orifícios de válvulas tomando cuidado para não apertar em excesso.

Confira o todo serviço já realizado até aqui. Agora vem a finalização. Com o cubo da embreagem e a porca do virabrequim já apertado remonte a embreagem. Não se esqueça de colocar a tela de óleo e a engrenagem da bomba de óleo e seu oring. Coloque os pinos guias, a junta e monte a tampa e o filtro de óleo. Não se esqueça do braço da embreagem.

Remonte o restante que foi retirado como: coletor de escape e ponteira, reservatório de óleo, válvula de sucção de ar e seus tubos, carburador, pedal de freio, cabo da embreagem, tanque e laterais. Não se esqueça de colocar óleo no motor.

Pronto sua corrente de comando já foi trocada e seu motor não parece mais carro a diesel.

Dicas de ferramentas. O fixador de embreagem pode ser feito com três separadores de embreagem unidos e soldados fazendo uma pequena haste e o calço para segurar as engrenagens do virabrequim deve ser feita com uma engrenagem velha do mesmo, cortada ao meio. 



Qualquer coisa estamos por ai!   
   
 
 


Pantaneiros Moto Grupo
Campo Grande - Pantanal - Mato Grosso do Sul.
"Da terra onde o Brasil já foi Paraguai"

Offline Rick-SP

  • Ralando as pedaleiras
  • *****
  • Mensagens: 601
  • Sexo: Masculino
  • www.duasrodas.net.br
    • Facebook
Re: Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #1 Online: Agosto 02, 2010, 07:09:40 am »
Show de tutorial, parabéns!!!

Pena que eu não tenho a manha de abrir o motor da motoca...

Abs,
Rick
- Honda NX Falcon 2006: Blackbird, a motoca!
- Yamaha XTZ 125E 2005: A pequena valente!
- Sundown V-Blade 2008: Vendi pro amigo e perdi o amigo...

Neocube by extramagnet.com

Offline leov8

  • Pilotando na boa
  • ***
  • Mensagens: 258
  • Sexo: Masculino
    • http://i845.photobucket.com/albums/ab16/leonardv8/Z1733d0r.jpg?t=1266431253
Re: Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #2 Online: Agosto 02, 2010, 08:21:29 am »
Muito legal , não tem segredo mesmo , ja fiz , só precisa ter paciência .... e depois de um tempo é bom dar um reaperto no cabeço te né? usou junta original ou paralela?
Leonardo Augusto


Offline Magnun

  • Ironbutt do FOL
  • ******
  • Mensagens: 1.208
  • Sexo: Masculino
  • Campo Grande - MS
Re: Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #3 Online: Agosto 02, 2010, 11:34:46 am »
Muito legal , não tem segredo mesmo , ja fiz , só precisa ter paciência .... e depois de um tempo é bom dar um reaperto no cabeço te né? usou junta original ou paralela?

Fala leov8!

É bom mesmo dar uma conferida no cabeçote. Para não perder a junta da tampa confira primeiro a porca de fora... mas o ideal mesmo é dar uma conferida nas válvulas depois de uns 15 dias. A junta usei paralela da Vedamotos estava melhor que a original  :thumleft: 
Pantaneiros Moto Grupo
Campo Grande - Pantanal - Mato Grosso do Sul.
"Da terra onde o Brasil já foi Paraguai"

Offline LUCAS JIU-JITSU

  • Ligando
  • *
  • Mensagens: 14
  • Sexo: Masculino
Re: Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #4 Online: Agosto 03, 2010, 01:38:37 am »
que maravilha esse tuto!!!!!!!!

onten troquei o tensionador da corrente de comando na hora ficou bom, mais agora cedo na hora de vir para o trampo eu tive  a impresão de ouvir o barulho novamente.

vou trocar a corrente de comando, que marca vocês sugerem???

falow
ex. RD 135 1986 vermelha (roubada).[2006 A 2006]
ex. MIZA EASY 125 2007 vermelha. [2007 A 2008]
ex. CG 150 KS 2004 azul.[2008 A 2009]
ex. YBR 125 ED 2005 prata. [2008 A 17/05/2010]
atual. NX4 FALCON 2000 prata. [17/05/2010 A .....] :)

Offline Magnun

  • Ironbutt do FOL
  • ******
  • Mensagens: 1.208
  • Sexo: Masculino
  • Campo Grande - MS
Re: Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #5 Online: Agosto 09, 2010, 04:11:32 am »
Fala Lucas! Desculpe a demora na resposta. :oops:

Existem várias marcas de corrente. As mais indicadas pelo pessoal é a da DID ou a original. Acho que fica mais ao gosto de cada um e a diferença de preço de cada uma na sua região. No meu caso optei pela original que ficou bem mais em conta de que qualquer outra.

De uma pesquisada em  http://www.falcononline.com.br/forum/index.php?topic=313.0

 :thumleft:
Pantaneiros Moto Grupo
Campo Grande - Pantanal - Mato Grosso do Sul.
"Da terra onde o Brasil já foi Paraguai"

Offline Lorival

  • Ligando
  • *
  • Mensagens: 13
Re:Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #6 Online: Setembro 04, 2011, 02:11:52 am »
Muito legal, parabéns!

Offline nalj1978

  • Pilotando na boa
  • ***
  • Mensagens: 173
  • Sexo: Masculino
Re:Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #7 Online: Outubro 23, 2011, 08:46:47 am »
Amigo.. uma coisa nao ficou clara pra mim....

Na hora de colocar a corrente na engrenagem do comando sincronizada com o virabrequim,o comando deve estar com as marcas de referencias alinhadas no cabeçote assim como o Pistao em PMS com a marca T alinhada no orificio de referencia?? seria isto????

Offline Magnun

  • Ironbutt do FOL
  • ******
  • Mensagens: 1.208
  • Sexo: Masculino
  • Campo Grande - MS
Re:Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #8 Online: Outubro 23, 2011, 12:00:13 pm »
Amigo.. uma coisa nao ficou clara pra mim....

Na hora de colocar a corrente na engrenagem do comando sincronizada com o virabrequim,o comando deve estar com as marcas de referencias alinhadas no cabeçote assim como o Pistao em PMS com a marca T alinhada no orificio de referencia?? seria isto????

Sim!
Com todas as marcações nos devidos lugares  :salut:
Pantaneiros Moto Grupo
Campo Grande - Pantanal - Mato Grosso do Sul.
"Da terra onde o Brasil já foi Paraguai"

Offline Renato_RFD

  • Ironbutt do FOL
  • ******
  • Mensagens: 1.235
  • Sexo: Masculino
  • Jundiaí - SP XT600E
Re:Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #9 Online: Outubro 23, 2011, 02:02:19 pm »
Parabéns Magnun, ótimo tuto... estava esperando a oportunidade de parabenizá-lo...  .clap
Renato_RFD




Bom mesmo é ir a luta com determinação, abraçar a vida com paixão, perder com classe e vencer com ousadia...
Pois o triunfo pertence a quem se atreve

Offline Magnun

  • Ironbutt do FOL
  • ******
  • Mensagens: 1.208
  • Sexo: Masculino
  • Campo Grande - MS
Re:Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #10 Online: Outubro 24, 2011, 03:17:59 pm »
Parabéns Magnun, ótimo tuto... estava esperando a oportunidade de parabenizá-lo...  .clap

Valeu!

Agora vamos começar os tutos para Virago  :hihihi ... lá na comunidade Virago Brasil  :thumleft:
Pantaneiros Moto Grupo
Campo Grande - Pantanal - Mato Grosso do Sul.
"Da terra onde o Brasil já foi Paraguai"

Offline Konishi

  • Ironbutt do FOL
  • ******
  • Mensagens: 7.107
  • Sexo: Masculino
  • Araraquara SP
Re:Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #11 Online: Novembro 03, 2011, 07:27:28 am »
Muito legal o tutorial, parabéns Magnum. Chamo sempre a atenção para que usem um torquimetro, pois um parafuso quebrado por apertar demais sai muito caro ( e/ou uma rosca espanada...). Sempre que forem remontar, limpem bem os parafusos, os encaixes, e apliquem graxa de montagem.
Paz e amor Bixo ! E moto na estrada !

Offline nalj1978

  • Pilotando na boa
  • ***
  • Mensagens: 173
  • Sexo: Masculino
Re:Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #12 Online: Abril 30, 2012, 01:50:52 am »
Amigos.. me respondam uma coisa,abri a tampa de valvulas da minha f4 e duas coisas me deixaram em duvida... 1º os rolamentos do comando saem facil.. tipo da pra retirar com a mao??? e segundo... no manual de serviços diz que na hora que se retira o comando, tem uma mola e um pino embaixo dele( proximo a engrenagem de comando, ficaria tipo embaixo ali do ultimo ressalto perto da engrenagem .....encaixado em um furo por baixo do comando no cabeçote.....

Na minha nao tem este pino e esta mola...mas o manual se refere a eles e nem no catalogo de peças este pino e mola aparecem. :salut:

Offline André BB

  • ADMINISTRADOR
  • Ironbutt do FOL
  • *****
  • Mensagens: 4.705
  • Sexo: Masculino
  • Indaiatuba - SP
Re:Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #13 Online: Abril 30, 2012, 02:34:35 am »
Aguarde um minuto que vou ver o que é...

Conseguiu resolver a questão da sua embreagem ?
André BB®
"Não faças da tua vida um rascunho. Poderás não ter tempo de passá-la a limpo" (Mário Quintana)
"O que mais surpreende é o homem... - ...Vive como se nunca fosse morrer e morre como se nunca tivesse vivido."
 (Dalai Lama)

Offline nalj1978

  • Pilotando na boa
  • ***
  • Mensagens: 173
  • Sexo: Masculino
Re:Tutorial - Troca da corrente de comando
« Resposta #14 Online: Abril 30, 2012, 02:43:42 am »
A embreagem sim... estava um pouco frouxa... apertei a campana,troquei discos(marca OEM JI) separadores e molas... por enquando ,ela ainda esta meio dura pra passar as marchas mas acredito que pelo fato dos discos entrarem bem justos mesmo na campana e é so questao de acomodar... e o pino... realmente tem um pequeno movimento mesmo.... :salut:


Mas me diz ae... na sua quando vc tirou o comando, os rolamentos sairam facil... e o tal do pino e mola que ficam a baixo do comando, vc viu??? :salut: